2010-10-27

3 em cada 15 segundos

o que é feito dos que amam como nós? e dos meus textos sobre bananas? porque é que estou com lágrimas nos olhos e nem uma infelicidade hoje? porque é nos textos formais se põe tudo em justificado? onde é que tens aulas a esta hora? (quero ter uma visão tua como naquele filme dos vampiros, só para ter a certeza que gosto de ti como é suposto aqueles que gostam muito gostarem) podemos encontrar-nos amanhã? havia trabalhos para filosofia? Mano, jantas hoje? (com que frequência dá Deus os mesmo nomes?) posso ir a salamanca o mês que vem? lembras-te de tudo, tudo tudo tudo? e se te oferecer uma flor, aceitas? (chamo-me Margarida e sou um jardim) nunca me fizeste os crepes com chocolate. para quando os nossos crepes com chocolate? todas as músicas são minhas (queres um bocadinho?) que filmes estão em exibição quinta-feira a oito? olha, parti os óculos. sempre vamos ao cinema?


(há uns dias)

6 comentários:

filipa disse...

adoro vir aqui margarida *

Maria Francisca disse...

<3

Ana disse...

Os que amam como nós existem. *

Poppins disse...

São os Domingos de que falo.

Kate V. disse...

wow, completamente! Sublinho tudo, adorei *

Lαurα Mαrgαridα disse...

fantástico :)