2009-03-20

como?

que mania gostar tanto destes gestos pequeninos que fazem milagres, destes presentinhos que nos meteram a todos à frente, embrulhados com todo o primor, lacinho e tudo. e que mania esta ingratidão despercebida, esta imunidade toda à sensibilidade. mas, e quando se descobre que o presentinho foi enviado há tanto tempo, e esteve sempre lá, debaixo da cama, por incrivel que pareça sem ganhar pó, como é que se faz quando se descobre o mais que maravilhoso presentinho e se percebe que já nao há hipótese de agradecer? como é que se faz quando a imunidade desaparece e só queremos dar, mas ninguém quer receber de nós?

6 comentários:

Cabeça no ar disse...

gostei de ler!

Maria Francisca disse...

Talvez também tratemos as nossas relações e os nossos sentimentos assim...
Quando os guardamos para nós apenas pomos sob a cama, depreocupados. Mas quando temos que oferecer a alguém, quando partilhamos a 'nossa pessoa' com outra corremos numa aflição para tornar 'decente' para as outras pessoas verem.
Será? :)

Beijinho. *

Joana Éme. disse...

eish!, não sei como se faz, mas sei que gostei imenso deste cantinho :')
obrigada por seguires o meu, MG.

Maria Francisca disse...

Obrigada eu pelos elogios. *

AnaLuísa disse...

quando souberes a resposta diz-me .. :x *

x Inês ( ? ) disse...

Sim , como disse a AnaLuísa , quando souberes a resposta avisa .